Cataratas dos Couros

Cataratas dos Couros na Chapada dos Veadeiros no platô de pedra com vista para cachoeira Almécegas 1000 e cachoeira do Parafuso no período de chuva
  • Distância de Alto Paraíso: 55 km (35km de estrada de terra)

  • Distância da Trilha (ida e volta): 6 km

  • Nível de Dificuldade: Difícil

  • Atrativos:
    – Cachoeira da Muralha
    – Cachoeira Almécegas 1000
    – Cachoeira do Parafuso
    – Cachoeira do Buracão
    – Piscinas Naturais
    – Prainhas
    – Cânions
    – Penhascos
    – Mirantes

  • Entrada Gratuita

  • Período recomendado para visitação:
    Ano inteiro (evitar em dias de muita chuva)

  • É fundamental a contratação de guia de turismo local

As Cataratas dos Couros representam tudo que o turista busca em um único passeio na Chapada dos Veadeiros . São várias piscinas naturais, formações geológicas típicas, vegetação nativa do cerrado, cânions, cachoeiras, prainhas, mirantes… As Cataratas são formadas pelo rio dos couros e possuem quatro grandes cachoeiras em seu atrativo: cachoeira da Muralha, cachoeira Almécegas 1000, cachoeira do Parafuso e cachoeira do Buracão. Um paredão de pedras forma os cânions e intensifica a magia desse lugar.

Paraíso das piscinas naturais

Ao longo de todo o percurso das Cataratas dos Couros formam-se poços de água límpida e gelada com pequenas cachoeiras. Todas as quedas possuem poços bem calmos e seguros para nadar no período da seca. As diversas piscinas nos fazem perder noção do tempo e querer ficar o dia inteiro nesse paraíso.

Como chegar

A partir de Alto Paraíso o caminho para a Catarata dos Couros abrange 20 km de asfalto com mais 35 km de estrada de terra. Possuindo uma duração em média de 1h15m de carro. A entrada é gratuita, porém há pessoas que cuidam do estacionamento no local e a contribuição é sugerida para dar maior segurança. A trilha tem 3 km até o último atrativo e é considerada de nível difícil. Toda ela é feita pela margem do Rio dos Couros.

Cachoeira da Muralha

Chegando na primeira queda que fica apenas a 500 metros do estacionamento, a Cachoeira da muralha, que possui um enorme paredão de pedra horizontal lembrando a grande muralha da China. Este é um ótimo lugar para banho e relaxamento sendo o portal de entrada para jornada.

Cachoeira Almécegas 1000 e cachoeira do Parafuso

Para chegar na cachoeira Almécegas 1000 deverá ser percorrido um trajeto de aproximadamente 1.5km pelas margens do rio Couros. Nesse caminho haverão diversas pequenas quedas com piscinas naturais e pequenas prainhas. Quando o rio quebrar em um grande penhasco e formar uma enorme queda com vários degraus, esta será a cachoeira Almécegas 1000. Um dos cartões postais mais bonitos da Chapada dos Veadeiros. O barulho da água caindo é ensurdecedor. No final dela, toda a água que desce em degraus se afunilará formando uma queda muito potente e perigosa conhecida como parafuso. Ela fica no andar de baixo, portanto para chegar lá, será necessário trilhar novamente. Não é recomendado em hipótese alguma nadar até a queda do parafuso pois há uma forte correnteza nesse local. A cachoeira do Parafuso possui esse nome pois embaixo da queda se forma um redomoinho. Já existiram casos de pessoas que vieram a morrer afogadas nesse local pois foram sugadas pela correnteza, portanto mantenha-se distante desse poço.

Platô de pedra e cachoeira do Buracão

O final da trilha será em um enorme platô de pedra dentro dos cânions das Cataratas dos Couros. Esse é um local sagrado com vista incrível das cachoeiras do Parafuso, almécegas 1000 e do Buracão e uma linda piscina natural. O acesso para cachoeira do Buracão somente pode ser feita a nado. Para quem deseja se aventurar é uma ótima oportunidade de apreciar a maravilhosa vista do penhasco dos cânions que forma um arco-íris todas as manhãs por volta de 10hs.

Período para visitação e contratação de guia

As cataratas dos Couros na Chapada dos Veadeiros é decerto passeio de tirar o fôlego, e que tem a duração de um dia inteiro com paisagens magníficas. O período recomendado para visitação seria durante a seca, que vai de maio a outubro. Todavia é possível visitar o local o ano inteiro mas o banho no período de chuva poderá estar restrito devido a forte correnteza no local. Não deixe as Cataratas dos Couros fora do seu roteiro pois é imperdível. Este é um passeio em que é fundamental a contatação de um guia de turismo local, principalmente pela sua segurança. O local é enorme e o guia poderá indicar todos os principais atrativos que as cataratas dos Couros tem para oferecer com toda a segurança necessária.

Dicas

  • Almoce no restaurante dona Eleusa. Comida caseira no valor de R$30 o buffet liberado
  • Contrate um guia local credenciado
  • Evite períodos de muita chuva
  • Vá com filtro solar e chapéu de sol, no local não há muitas sombras
  • Dirija com cuidado na estrada de terra pois não há muita manutenção. Redobre a atenção em caso de chuva para evitar atolamentos
  • Contrate um guia de turismo local para garantir sua segurança porque o local é inóspito
  • Não nade próximo da cachoeira do Parafuso pois há uma forte correnteza que puxa pra baixo
Cachoeira das Pedras Bonitas Éden (Águas Termais) Jequitibá (Águas Termais) Morro Vermelho (Águas Termais) Cachoeira Morada do Sol Cachoeira do Segredo Cataratas dos Couros Santuário Raizama Vale da Lua Cachoeira Cordovil Cachoeira São Bento Cachoeira Almécegas 2 Cachoeira Almécegas 1 Mirante da Janela e Cachoeira do Abismo Saltos do Rio Preto Cânions Travessia Sete Quedas Cachoeira do Label Cachoeira do Dragão Cachoeira do Macaquinhos Cachoeira do Macacão Sertão Zen Cachoeira das Loquinhas Cachoeira dos Cristais Cachoeira dos Anjos Cachoeira dos Arcanjos Cachoeira Simão Correia Cachoeira do Poço Encantado Cachoeira Candaru Cachoeira Capivara Cachoeira Santa Bárbara Complexo Rio da Prata Curriola